Notícias

Sindpol intermedeia participação da Cobrapol na CPI da Previdência

16/06/2017

Graças à intermediação do Sindpol-AL junto ao senador Renan Calheiros, o presidente da Cobrapol, Jânio Bosco Gandra, participou da audiência pública interativa promovida pela CPI do Senado que investiga a contabilidade da Previdência Social, na quarta-feira (14).

O diretor de Comunicação do Sindpol, Bartolomeu Rodrigues, destaca que a Cobrapol elencou todos os pontos negativos do projeto. “A PEC 287/2016 não reconhece a atividade de risco dos policiais civis e outras especificidades da profissão, como o grande desgaste físico e mental dos policiais. A participação na sessão é mais um espaço que o Sindpol conquista para defender os direitos previdenciários da categoria”, revelou Bartolomeu.

Na sessão, Gandra reafirmou a posição da Confederação contrária à PEC. “O governo não tem moral para ser o mandatário do país, nem impor essa reforma, que não foi discutida com o povo brasileira. Ele de forma covarde e criminosa, investe nossos recursos financeiros nas propagandas falaciosas, dizendo ao povo que a reforma é necessária, mas quer é acabar com a Previdência Pública para beneficiar a Previdência Privada”, disse.

DSC_0099 38c00bac-a0a6-465e-b163-b2e7959147c4 2037232a-5669-4c24-b0fb-8f8609b9e338 305eb6df-357e-4e1a-8b36-9754067cc7bf